Gastronomia

mesa

Postado em: 14.08.2014

Temos uma regra social que diz que precisamos estar em grupos para almoçar ou jantar. Basta ver o movimento do horário de almoço nas empresas. Os grupos vão se formando, os amigos se juntando e a maioria sempre sai em conjunto para a pausa.
Mas há quem prefira comer sozinho. E isso tem também suas vantagens. Nada de piadinhas de colegas de trabalho, lamentações ou até mesmo aquela bagunça na hora de fazer os pedidos ou dividir a conta.
É para pessoas que preferem sair para almoçar ou jantar sozinhas que estão surgindo os “neobistrôs”, espaços que oferecem mesas (ou balcão aconchegante) para quem foi desacompanhado – seja por opção ou falta de. Além disso, esse movimento também ocorre por conta de um reflexo da vida das grandes metrópoles, em que muitas vezes nos encontramos sozinhos, ou até mesmo para turistas e viagens a negócios.
A hora da refeição é sem dúvida uma hora social, onde se conversa mais abertamente e até se fazem amigos, mas sabemos também que há horas que só o que queremos é uma boa refeição e um pouco de paz, não é mesmo? Então, confira aqui alguns lugares para ir sozinho em São Paulo e aventure-se.

Spot
Local badalado (nos dois endereços que possui em São Paulo), o Spot recebe os solitários nas mesas ou no belo balcão, onde serve desde drinks sofisticados a pratos muito bem elaborados.
http://www.restaurantespot.com.br/

Maripili
Restaurante espanhol pequeno e aconchegante, tem mesas pequenas e tapas que podem ser pedidas para petiscar. Como são relativamente pequenas, se estiver com fome dá para provar até 3 pratos diferentes. Boa carta de vinhos.
Endereço: Rua Alexandre Dumas, 1152 – Chácara Santo Antônio, São Paulo – SP

Suri Ceviche Bar
Um ceviche pode ser ao mesmo tempo refrescante e restaurador. Poucas opções de variação, mas que cobrem certamente todos os gostos. Ainda uma das poucas casas de São Paulo de qualidade que não tem muita fila.
http://www.suri.com.br/

Comentar