Gastronomia

Blog_salada

Postado em: 03.03.2016

Uma alimentação mais saudável começa com a escolha certa dos alimentos. Saladas são sempre uma boa opção, já que além de leves, são refrescantes e possibilitam muitas variações de sabores.

Preparar uma salada mais elaborada, às vezes, pode dar um pouco mais de trabalho e as pessoas acabam optando por versões mais simples. Preparar a salada no pote de vidro é uma forma de vencer essa preguiça, já que é possível guardá-la pronta na geladeira por até sete dias. Se hermeticamente fechado, o recipiente ainda possibilita carregar sua saladinha para onde quiser de maneira muito prática.

O segredo da salada no pote está na sua montagem, que deve respeitar uma sequência de camadas.

1º – O molho
O molho, do sabor de sua preferência, deve manter a maior distância possível das folhas, para que elas permaneçam secas e frescas por mais tempo. Por isso, o ideal é colocá-lo no fundo do pote.

2º – Legumes e verduras mais pesados
Alguns exemplos são o tomate, grão de bico, cenoura, cebola ou pepino. O importante é que elas não absorvam tanto o molho. Você pode ainda colocar queijos e outros legumes por cima dessa camada, criando quantas achar necessário.

3º – Folhas
As folhas, se em contato com o molho, ficam murchas e feias. Por isso, colocando-as por cima, evitamos que essa mistura aconteça até com pequenos movimentos no transporte.

Na hora de consumir, é só sacudir um pouco, espalhando o molho e servir em um prato! Prático e dá para montar de uma vez só para vários dias da semana! Gostou?

Comentar