14/12/2023

Já estou pronto para morar sozinho? Veja como saber!

Já estou pronto para morar sozinho? Veja como saber!
Já estou pronto para morar sozinho? Veja como saber!

Morar sozinho é uma das decisões mais emocionantes e desafiadoras da vida, não é mesmo? É o começo de uma nova etapa com independência e novos descobrimentos, mas também com responsabilidades.

Por isso, antes de investir na compra ou aluguel de um apartamento, a gente se pergunta: “será que estou pronto para viver sozinho?”

Sem tempo para ler? Ouça todo o texto enquanto você trabalha ou realiza outras atividades.

Uma dica que posso te dar para ter essa resposta é analisar tanto a parte financeira, quanto pessoal. Mas não se preocupe, vamos te ajudar!

4 Sinais para saber se está pronto para morar sozinho:

Existem muitos motivos para querer ter seu próprio cantinho. Pode ser a necessidade de privacidade, o desejo de independência, a saída da casa dos pais ou então uma mudança de cidade.

Mas para todos os casos, a análise de alguns sinais pode te ajudar nessa importante decisão. Separei 4 deles para você conferir:

1. Estabilidade financeira:

Um sinal claro para saber se já é hora de ter a sua independência é a estabilidade financeira.

Ter uma fonte de renda estável é fundamental, mas é preciso calcular todos os gastos para garantir que a sua renda será capaz de cobrir todas as despesas mensais no novo imóvel.

Caso tenha comprado um apartamento para morar sozinho, é válido colocar neste cálculo as parcelas do financiamento e o valor do condomínio. Além disso, entram as contas, compras básicas e itens como móveis e aparelhos domésticos.

2. Independência nas tarefas domésticas:

Além da parte financeira, ser independente também é ser capaz de realizar as tarefas domésticas e as responsabilidades de um lar.

Portanto, é importante avaliar também se você tem as habilidades para lidar com atividades como limpeza, cozinha e lavanderia.

É claro que há sempre a possibilidade de “terceirizar” essas atividades, comendo fora ou contratando um profissional de limpeza, por exemplo. Porém, esses gastos também vão pesar no orçamento do mês.

3. Maturidade e liberdade para tomar decisões importantes:

Você provavelmente já sabe que “com grandes poderes vêm grandes responsabilidades” e essa frase se encaixa perfeitamente para quem está pensando em morar sozinho.

Se você se sente confortável tomando decisões sobre sua vida e futuro, é um sinal positivo de que você está pronto.

4. Saúde mental em dia e Autoconhecimento:

Estar bem consigo é crucial ao morar sozinho. Por mais que você não tenha uma rotina totalmente solitária e a tecnologia nos mantenha conectado, os momentos de solidão no seu apartamento vão existir.

Porém, essa etapa pode ser fundamental para desenvolver o autoconhecimento e permitir que você aprecie sua própria companhia, além de despertar a sensação de liberdade e de independência.

Se você sente que isso não será um problema para sua saúde mental, está mais que preparado para essa mudança!

Além dos sinais, é válido também entender quais são as vantagens e as dificuldades mais comuns de quem enfrenta esse momento. Veja a seguir!

Quais as principais vantagens de ir morar sozinho?

1 – Independência e liberdade

Nada melhor do que ter um lugar para chamar de seu, não é mesmo? No seu próprio imóvel, você tem total controle das escolhas e pode organizar a sua rotina como quiser!

É muito mais independência e também liberdade para fazer o que gosta, decorar como preferir, decidir as refeições e fazer suas próprias regras.

2 – Tranquilidade e Privacidade

Quem já morou em casa ou apartamento com muitas pessoas sabe que a falta que a privacidade faz, não é mesmo? Já ao morar sozinho você não tem esse problema.

Além de muito mais tranquilidade no dia a dia, a experiência de vida independente também permite ter privacidade no seu lar.

3 – Autoconhecimento e crescimento pessoal

Vale reforçar que essa etapa da vida é uma ótima oportunidade para a gente amadurecer.

As novas responsabilidades nos ajudam a crescer e ganhar independência. E, além disso, a experiência de viver sozinho permite desenvolver o autoconhecimento e o gosto da nossa própria companhia. Ou seja, é uma etapa para aumentar nosso amor próprio!

Quais as dificuldades ao viver sozinho?

Morar sozinho também traz desafios. Entre os mais comuns, podemos citar:

  • Solidão: ficar sozinho pode se tornar uma dificuldade para quem está acostumado ao convívio com mais pessoas. Por isso, é essencial cultivar uma rede de apoio e manter conexões com amigos e familiares.
  • Responsabilidades: a realização de tarefas domésticas e as decisões diárias de um lar podem ser cansativas. A dica é estabelecer uma rotina e dividir as tarefas ao longo da semana.
  • Orçamento apertado: gerenciar as finanças de um apartamento ou imóvel sozinho pode ser um grande desafio. É crucial criar um orçamento realista e manter o controle dos gastos.

 

Outro fator importante para analisar no orçamento é saber o que será preciso comprar para o seu novo imóvel, não é mesmo?

O que eu preciso comprar ao morar sozinho?

Ao se mudar, é fundamental garantir que você tenha o básico para criar um ambiente confortável, como:

  • Itens de Cozinha: Panelas, pratos, talheres e utensílios básicos são essenciais para começar uma vida independente. Invista em produtos duráveis e funcionais.
  • Móveis Essenciais: Priorize itens indispensáveis como cama e armários. Opte por móveis multifuncionais para otimizar o espaço.
  • Artigos de Limpeza: Manter a higiene do seu novo lar é essencial. Compre itens como vassoura, rodo, panos e produtos de limpeza doméstica.

 

Viu só como são vários pontos para considerar? E olha que para fechar o orçamento de quem vai morar sozinho, ainda tem os gastos com alimentação. É a nossa próxima dica!

Quanto uma pessoa sozinha gasta em alimentação por mês?

Saber quanto uma pessoa sozinha gasta em alimentação durante um mês pode variar dependendo de fatores como localização, estilo de vida e hábitos alimentares de cada um.

Uma pessoa que tenha o hábito de preparar refeições em casa terá gastos menores do que quem prioriza comer fora ou pedir em delivery, por exemplo.

Para estes casos, podemos indicar uma média do custo da alimentação básica entre R$ 450,00 a R$ 500,00 por mês.

Em conclusão, morar sozinho é uma jornada emocionante, mas requer preparação física, emocional e financeira.

Avalie seus próprios sinais e lembre-se de que aprender a administrar um lar é um processo contínuo de crescimento e adaptação.

Ah, e conte com a Plano&Plano para realizar o seu sonho do apartamento próprio!

São diversas oportunidades nas melhores localizações e com ótimas condições comerciais. Venha conhecer!

Plano&Plano

Posts Recomendados:

Truques para um apê mais sustentável
Decora P&P
Truques para um apê mais sustentável
14/08/2023
3 Dicas para quem quer investir em imóveis
Geral
3 Dicas para quem quer investir em imóveis
01/11/2022
Quais os principais parques da Zona Norte? Conheça 7 opções!
Geral
Quais os principais parques da Zona Norte? Conheça 7 opções!
27/02/2024