postado em: 05.10.2020

Dívidas: conselhos para sair do aperto e virar o jogo.

Sem tempo para ler? Ouça todo o texto enquanto você trabalha ou realiza outras atividades.

Ter uma boa educação financeira sempre foi importante, principalmente em tempos de crise. Por isso, é preciso saber evitar gastos desnecessários e praticar hábitos financeiros que sejam saudáveis. Responsabilidade e disciplina acima de tudo, afinal é preciso gastar seu dinheiro com sabedoria e consciência, e ainda criar uma reserva que ajude você nos momentos de dificuldade. Ou até mesmo quando você quiser realizar algum sonho como comprar um apartamento, um carro ou fazer uma viagem para o exterior.

 

Para isso, é preciso estudo, prática e foco. E, claro que a Plano&Plano iria criar um artigo para ajudar você  a ter controle das suas finanças e sair do aperto. E, então? Vamos virar o jogo? Confira aí as nossas dicas:

 

Estabeleça uma meta

Antes de sair fazendo planos para gastar ainda mais dinheiro, você precisa estabelecer uma meta. Seja para comprar um apartamento, adquirir um carro, realizar uma viagem, o início de um novo negócio, ou simplesmente economizar para juntar dinheiro quando surgir alguma emergência. Não importa qual seja seu objetivo, o mais importante é se manter focado nele e correr atrás para realizá-lo.

 

Você precisa saber quanto ganha e quanto gasta

Não vai adiantar nada você ter uma renda mensal de R$ 15 mil reais por mês, se você usa todo esse dinheiro para simplesmente pagar suas dívidas. Por isso, você precisa ter anotado o valor total das suas despesas e quanto deve economizar para alcançar o seu objetivo. Dessa forma, você consegue mensurar suas finanças e ter mais controle sobre o que gasta e o que está juntando.

 

Leia também:

5 móveis multifuncionais para otimizar o seu espaço.

Casa Verde e Amarela: O que você precisa saber?

 

Estipule um valor de gastos mensais

Para começar a criar bons hábitos, você pode começar colocando um limite de gastos por mês. É bem simples de chegar a esse número. Digamos que você gaste 50% da sua renda para poder pagar suas despesas básicas como aluguel, água, luz, internet, etc. O ideal é que você pegue 35% desse valor e reserve para um investimento, poupança, ou algo que vá te dar algum retorno amanhã. Com os 15% que sobram, você pode usar para comprar coisas secundárias como roupas, saídas para restaurantes e outras coisas que te deem prazer. Fique sempre atento para não extrapolar esses valores que você estipulou. Afinal, quanto mais você sair daquilo que colocou como meta, mais chances você terá de criar um rombo nas suas finanças.

 

Aprenda a investir na sua educação financeira

Em vez de apenas trabalhar para ter dinheiro, é preciso também fazer com que o dinheiro trabalhe para você. Por isso, é muito importante entender sobre administração financeira. Não precisa fazer uma faculdade de economia para isso, basta entender o básico para você saber como investir, poupar e administrar seu dinheiro de uma maneira que possibilite terminar o mês no azul. Aliás, criamos um [link[material especial]] sobre o assunto para ajudar você nessa área.

 

Investimento é quando você paga por alguma coisa que, daqui a algum tempo, te trará um bom retorno sobre o valor que você gastou. E é por isso que uma de nossas sugestões é a educação financeira. Vale muito a pena buscar qualificação para entender sobre economia e gastos. Assim, você passa a poupar, diminuir a tendência de gastar com coisas supérfluas e ainda aprende a  investir o dinheiro que você poupa. Através da educação financeira, ou da ajuda de um coach financeiro, por exemplo, você poderá saber mais sobre como administrar as suas finanças.

 

Gostou das dicas que trouxemos hoje para você? Fique acompanhando porque em breve teremos muito mais para ajudar você a ter mais controle sobre suas finanças. E, quem sabe assim, você não consegue comprar um apê com a Plano&Plano.

Conteúdos relevantes

Veja outros conteúdos relevantes

10 motivos para comprar na Plano&Plano
10 motivos para comprar na Plano&Plano
Economia Familiar ver publicação
Minha Casa Minha Vida
Como Funciona o Subsídio Minha Casa Minha Vida
Financiamento de Imóveis ver publicação
Renda Informal como declarar o IR
Como Comprovar Renda com IR?
Financiamento de Imóveis ver publicação